15 de jun de 2013

The Murder Of My Sweet





Você estava lá, passeando no shopping, com alguém, não conseguia ver nem ao menos se era homem ou mulher, mas, tinha alguém com você.

Estavam se divertindo, era uma tarde de sábado bem agradável. Mas nem tudo estava perfeito; a poucos metros dali, acontecia um assalto, vários bandidos com armas saqueando uma loja e roubando o máximo de coisas possível.

Eu não estava lá, mas pude sentir o medo correndo pelo seu corpo.

Foi quando um barulho forte, alto atravessou todo o andar, as pessoas começaram a correr, tudo virou um caos.

Quando você abriu os olhos, eu estava ali, parado, em pé na sua frente, não sei como, mas eu estava ali. Tive a sensação de estar onde eu estava destinado a estar.

Quando olhei para o seu rosto, te vi assustada me encarando, sem entender o que tinha acontecido, então olhei para mim e vi sangue escorrendo, vi sangue em minhas mãos, e então eu entendi o que tinha acontecido.

O tiro iria acertar você, mas algo me colocou a sua frente bem a tempo de eu poder te salvar. Ao menos uma vez na vida senti que estava fazendo o certo, e todo esse pensamento assustador, invés de me aterrorizar me manteve tranquilo, o meu lugar era ali.

Pude olhar para você uma última vez e sorrir, meus lábios, sem som, disseram uma última vez, “Te amo”.


Então eu cai, e tudo se apagou.


0 coments :

Postar um comentário